Fale com os surdos: aprenda Libras!

Fale com os surdos: aprenda Libras!

A inclusão social de pessoas que possuem alguma deficiência é muito importante para se ter uma sociedade mais igualitária e democrática, mas para isso precisamos saber nos comunicar, para muitos ainda é difícil falar com pessoas surdas.

De acordo com os dados de 2015 do IBGE, no Brasil 6% da população possui deficiência auditiva, isso significa que ao menos 10 milhões de pessoas apenas se comunicam através da língua de sinais chamada de libras.

A língua de sinais surgiu primeiramente no século 18, criada por um francês chamado Charles-Michael, que tinha a intenção de alfabetizar crianças surdas que, até então, eram deixadas de lado.

Conforme os anos foram passando a técnica foi melhor se adaptando, mas o modelo das letras do alfabeto ainda continua o mesmo do modelo francês, apenas com as várias funções gramaticais de cada local (país) onde ela é aplicada. Aqui no Brasil ela é conhecida como Libras – Linguagem Brasileira de Sinais.

Em seus vocabulários, além das letras, estão presentes números, as principais cores, animais, dias da semana, meses, famílias, etc.

Motivos para aprender libras

Interação com pessoas: conhecer e se comunicar com pessoas dos mais diversos tipos é sempre bom para abrirmos nossa mente, aprendermos coisas novas e fazer novas amizades, então aprendendo libras temos a chance de conhecer milhares de pessoas que só são diferentes de você pelo fato de serem mudas ou surdas.

Além disso, ajuda para que indivíduos deficientes se integrem com a sociedade e não se fechem ao grupo de pessoas com deficiência, assim você deixa de se focar apenas com pessoas falantes.

Melhora na coordenação motora: para falar a língua de sinais é preciso agilidade e boa coordenação motora, pois ela é falada de maneira rápida e dinâmica, então tem a capacidade de melhorar coordenação das mãos.

Outra língua aprendida: é mais língua a incluir no currículo e para muitas empresas, é um diferencial de grande valor, pois significa que está aberto a integração social e inclusão de pessoas com deficiência.

Em alguns cargos, é importante que a pessoa saiba tal língua porque irá lidar com este público rotineiramente.

Formas de aprender a língua

Com pessoas deficientes: caso tenha algum conhecido que tenha alguma deficiente e usa a linguagem de sinais para se comunicar, você pode facilmente aprender o idioma, já que irá se comunicar com ele diretamente e de acordo com a rotina e realidade que vivem, então terá facilidade em absorve-la.

Cursos na internet: por meio de curso EAD (ensino a distância) de libras é possível aprender de forma didática com profissionais que trabalham há anos com a língua. Além disso, o aprofundamento costuma ser maior, com contexto histórico, possibilidade de tirar dúvidas e ainda ganhar diploma para agregar ao currículo.

Com o próprio alfabeto: na internet ou em livros está disponível o alfabeto de libras, com os desenhos que as mãos devem fazer para representar cada letra do alfabeto. Com isto pode aprender de maneira simplificada como formar palavras.

O lado ruim deste modo de aprendizagem é que caso você tenha dúvida ou esteja fazendo algo de maneira incorreta, não há como saber.

Ao Seu Sucesso! Sandro Vale

  • Compartilhe com seus amigos!
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Veja Também:

Artigos Relacionados

Olá, deixe seu comentário para Fale com os surdos: aprenda Libras!

Enviando Comentário Fechar :/